Publicado em Dicas

Como escolher o berço para bebê

Escolher o berço certo é uma tarefa difícil. Mas algumas regras podem te ajudar na procura

como-escolher-o-berco-do-bebe.jpg

Noites de sono bem dormidas são muito importantes para todos. Principalmente para as crianças. Por isso, uma das escolhas mais importantes que uma mãe precisa fazer é o berço para o bebê, afinal é aí em que eles passarão os primeiros meses de vida.

Os modelos são os mais variados. Há vários tamanhos, formatos e funcionalidades possíveis e imagináveis. Alguns deles, inclusive, podem acompanhar seu filho até os dois anos. Por isso que este é um item que precisa de atenção redobrada na hora de ser comprado.

Muitas vezes, pais e mães escolhem berços por design e beleza. Porém não se pode tirar da mente que, além desses dois pontos, a segurança é imprescindível e deve ser fator de decisivo de compra. Pensando nisso, a Kids Shop reuniu as melhores dicas para você não errar na hora da compra.

Escolhendo o melhor berço

Antes de qualquer coisa, sempre observe se o berço escolhido tem o selo do Inmetro, importante centro de pesquisa brasileiro sobre produtos. O aval dele na peça já pode ser considerado como um primeiro fator eliminatório na escolha do móvel perfeito.

Tamanho

como-escolher-o-berco-do-bebe-01.jpg

Primeira dúvida crucial dos pais é sobre o tamanho do berço, para que o bebê fique confortável. O padrão mais utilizado é o berço americano, com o espaço interno de 1,30 m de comprimento por 70 cm de largura. Com as grades e mais alguns adereços, esse tamanho pode chegar a ser de 15 a 20 cm maior.

Outra opção seria o padrão brasileiro, cujo tamanho interno é de 1,30 m de comprimento por 60 cm de largura. Em lojas especializadas, é possível encomendar uma peça sob medida, porém isso dificulta achar enxoval de berço.

Segurança

Decididas as medidas do lado interno do berço do bebê, é necessário se atentar a algumas medidas do lado de fora também. São elas que garantem a segurança do seu filho, enquanto ele não está sob supervisão. Todas elas determinadas pelo Inmetro, em sua resolução de 2011. A grade lateral, por exemplo, deve ter um espaçamento mínimo de 4,5 cm e máximo de 6,5 cm, para que a criança não possa passar a cabeça no vão.

como-escolher-o-berco-do-bebe-03.jpg

Há também a determinação de que, entre a grade e o estrado, o espaço não possa passar de 2,5 cm, para que a criança não prenda uma perna ou um braço entre os dois. A altura da grade é outro ponto importante. Ela precisa ser de, no mínimo, 60 centímetros. Para que a criança não tente pular, quando ficar maior.

Detalhes menores

Há alguns outros detalhes que também merecem atenção na hora da pesquisa. Como o berço ter cantos arredondados e quinas, para que a criança não se corte, parafusos que usem porcas de encaixe ou bucha americana, pra não ficar para fora do móvel.

O estrado precisa ter a base ajustável, devendo exigir o uso de ferramentas ou uma operação por um sistema de travamento. Já as ripas precisam estar separadas por, no máximo, 6 cm de distância. O que distribui o peso do seu bebê por todo o sistema e evita que seu filho caia por baixo.

como-escolher-o-berco-do-bebe-04.jpg

Outro ponto é o travamento da grade móvel. Elas devem vir com trava automática e devem precisar de força para operação, exigir duas ações para destravamento, ao menos, e que esse dispositivo seja duplicado. Caso haja rodízios, 2 deles tem que conter sistema de travamento.

Checando as reclamações

Importante também é ver a reputação da empresa. Checar na internet e sites, como o Reclame Aqui, os maus comentários sobre a marca ou o produto é imprescindível para evitar más escolhas. Opiniões de amigos e familiares que já utilizaram berço também podem ser ouvidas.

Outro ponto importante é testar o produto com movimentos simples, como levantar e abaixar a grade, andar pela loja, verificar se o protetor de berço está bem preso, para ver se ele não está bambo ou atende ao que você precisa.

Há também a opção de o berço ser feito por um marceneiro. Neste caso, apenas basta imprimir as regras da ABNT e passar para o profissional. Vale também pedir para que ele atente ao tipo de tinta que utilizará. Ela não pode ser tóxica e nem conter traços de chumbo nela.

como-escolher-o-berco-do-bebe-05.jpg

O tamanho do quarto também pode ser um influenciador na decisão. Devido a quantidade de modelos e funcionalidades que o berço possui, ele pode ter mais funções além de manter o sono do bebê. Caso o espaço para ele seja pequeno, pode-se optar por um com cômodas, trocadores ou gaveteiros acoplados. Há ainda os que viram cama, depois do seu uso. Funcionais para economizar dinheiro futuramente.

Com essas dicas em mãos, hora de sair e procurar o melhor berço para seu bebê e acesse o site da Kids Shop para ver os melhores enxovais para o berço do seu bebê.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.