Publicado em Postagens

A fase do nascimento dos dentes do bebê

Conheça os sintomas que precedem essa fase e como cuidar melhor dos dentes do seu filho

Muitos pais relatam que quando começam a nascer os primeiros dentinhos do bebê a mudança de humor da criança é gritante. Falam que o bebê fica chato, irritado, que não consegue dormir direito a noite. Além da irritação, os pais também alegam que nessa época do nascimento dos dentes do bebê, ele também fica doente com sintomas como diarreia, febre, resfriados, entre outros.

Mas os especialistas não acreditam que resfriados e febre acontecem por causa do nascimento do dente. O mais provável é que o estresse por causa da dor baixe a imunidade do bebê deixando-o vulnerável a infecções.

Os primeiros dentinhos costumam começar a nascer por volta dos 6 meses. Nesse momento é quando você percebe que o seu filho está crescendo e é quando a dieta alimentar dele começar a mudar para uma dieta com alimentos sólidos. Mas esse tempo pode variar. Alguns bebês começam a ver os nascimentos dos dentes com 3 meses enquanto outros precisam esperar até uns 12 meses.

Essa fase do nascimento dos dentes pode ser meio exaustiva tanto para o bebê quanto para os pais. Os sintomas começam a aparecer, pelo menos, um mês antes dos primeiros dentinhos nascerem.

Alguns dos sintomas são:

– Baba

– Falta de apetite

– Inchaço e maior sensibilidade na gengiva

– Mau humor

– Problemas para dormir

– Tentativa de morder os que está pela frente

Esse último sintoma não é hostilidade e, sim, para tentar aliviar a dor. Para tentar sanar o sofrimento, você também pode dar alguma coisa para ele ficar mordendo, como mordedores ou alguma coisa gelada, ou tentar massagear a gengiva do seu bebê.

As gengivas poderão ficar inchadas quando os dentinhos forem romper, deixando as bochechas da criança um pouco maiores.

Alimentos gelados, como iogurtes e frutas, também podem aliviar a dor do nascimento dos dentes. Se isso não melhorar, procure o médico e veja se ele indica algum analgésico infantil para tentar melhora a dor.

Passado o sofrimento dos primeiros dentinhos do bebê vão começar a nascer um atrás do outro. De um sorriso desdentado para a semana seguinte já começar a despontar vários branquinhos dos dentes.

Os primeiros a nascer, em geral, são os dois incisivos centrais de baixo, seguido dos dois de cima, depois os que ficam ao lado e por último os dentinhos que ficam no fundo.

crianças escovando os dentes

Depois do nascimento dos dentes é preciso mantê-los sempre muito limpos. No primeiro ano de vida do seu bebê não escove “ de verdade “ os seus dentes. É mais indicado passar uma fraldinha limpa ou uma gaze uma vez por dia nos dentinhos.

Outra dica para cuidar melhor dos dentes do seu filho é evitar acostumá-lo a adormecer mamando. Os açúcares do leite (da mãe ou em pó) podem fermentar e corroer o esmalte dos dentes do bebê. Por isso, tenta adiantar a hora da amamentação da noite, desvinculando o leite do ritual de dormir.

Mas quando começar a escovar os dentes do bebê? A hora certa para isso é quando ele atingir 1 ano e meio. Você terá que acompanhá-lo durante bastante tempo ainda, mas já é bom ir ensinando-o a escovar os dentes sozinho

Use uma escova bem macia e pouco creme dental. É importante que a quantidade de pasta de dente seja bem pouca mesmo para não correr o risco de a criança engolir o flúor. Se ocorrer de o bebê engolir, pode causar a fluorose, que causa manchas nos dentes.

Para manter os dentinhos do bebê sempre limpos, sempre que ele exagerar no doce, faça-o escovar os dentes logo em seguida. Para ter certeza de qual maneira cuidar direto dos dentes do seu filho, o recomendável é ir ao dentista perto da criança comemorar o primeiro aniversário.

A primeira ida ao dentista é para precaução e não quando os problemas, como as cáries, já estiverem aparecendo nos dentes do bebê. Depois de examinar a boquinha da criança e saber sobre os hábitos alimentares dele é que o dentista poderá recomendações específicas para o seu filho.

Criança sorrindo

Até os 3 anos, seu bebê deve ter o conjunto completo: 20 dentes-de-leite. Depois dos primeiros dentinhos e dos cuidados necessários, agora é só esperar a chegada dos dentes permanentes que devem começar a nascer por volta dos 6 anos.

Aos 6 anos também começa a nascer o primeiro molar permanente. Ele nasce atrás dos molares decíduos sem que nenhum dente-de-leite caia. Esse dente está mais propício para o desenvolvimento da cárie, por isso é importante prestar atenção nele.

A troca dos dentes-de-leite pelos dentes permanentes vai ocorrer, mais ou menos, até os 11 anos de idade. Essa fase em que estão presentes tanto dente-de-leite quanto os permanentes na boca da criança é chamada de dentição mista.

Aos 12 anos, vai nascer o segundo molar permanente atrás do primeiro molar permanente. Quando não tiverem mais dentes-de-leite na boca, terá chegado a fase da dentição permanente. Mas tenha calma, essa fase só irá chegar por volta dos 18 anos, quando nascer o terceiro molar permanente, o famoso dente do siso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.